DESKTOP SERVIDOR APLICACIONAL

A Virtualização já não é uma tendência mas sim uma necessidade. O forte crescimento na implementação desta tecnologia nos últimos anos é, sobretudo, devido à procura de maior eficiência e redução de custos das organizações, onde estratégias de consolidação são prioridade e um factor incontornável em qualquer DataCenter actual, potenciando um maior aproveitamento dos recursos existentes e permitindo a simplificação da gestão global. A CPC África tem acompanhado a evolução das várias vertentes da virtualização, tanto nas componentes Datacenter, Posto de Trabalho e Aplicações.

Entre as várias tecnologias e especificidades de cada componente destacamos as seguintes:

  •          Virtualização de Servidores: Estratégias de consolidação de DataCenter
  •          Virtualização de Storage & Rede: Virtual Storage Appliances e Desenho e Implementação de Virtual Networks 
  •          Gestão e Monitorização: Replicação e DR bem como Monitorização e Automação de Processos com Alarmística e Reporting centralizado
  •          Virtualização de Desktops: Virtualização do Posto de Trabalho (VDI) e Desktop-as-a-Service
  •          Virtualização de Aplicações: Gestão e Deployment Aplicacional centralizado e Remediação Aplicacional
  •          Dispositivos de Acesso: Thin Clients e Refurbish/Transformação de Desktop

Esta aposta na virtualização tem-se traduzido numa maior flexibilidade e adaptação das organizações às mudanças tecnológicas e do negócio, mas também tem contribuído para uma maior resiliência dos serviços disponibilizados.

Como benefícios chave destes serviços destacamos:

  •          Flexibilidade e Disponibilidade
  •          Redução de custos de Operação e Manutenção
  •          Redução de custos com Hardware, Licenciamento, Energia Eléctrica, Climatização e Espaço de Datacenter
  •          Simplicidade na Gestão, Migração, Cópia e Replicação